Festival Eurovisão da Canção começa hoje

  

Claudia Pascoal

A 63.ª edição do Festival Eurovisão da Canção toma hoje conta do Parque das Nações. O festival será realizado pela primeira vez em Portugal, depois de Salvador Sobral ter vencido a edição anterior com a canção 'Amar pelos Dois'.

O evento decorrerá em Lisboa, na Altice Arena. Esta noite, às 20h00, acontece a primeira semifinal. No dia 10 realiza-se a segunda semifinal, estando a grande final reservada para 12 de maio. Dos 37 países que participam no festival, 19 países atuam nesta primeira semifinal. Hoje, tentam a sua sorte Azerbaijão, Islândia, Albânia, Bélgica, República Checa, Lituânia, Israel, Bielorrússia, Estónia, Macedónia, Croácia, Áustria, Grécia, Finlândia, Arménia, Suíça, Irlanda e Chipre. Portugal (na voz de Cláudia Pascoal que canta 'O Jardim', de autoria de Isaura), Espanha e Reino Unido (países do denominado "Big 5", os fundadores do festival) também sobem ao palco, ainda que já com acesso direto à final garantido.

Na segunda semifinal atuam França, Alemanha e Itália (os restantes Big 5) e ainda Noruega, Roménia, Sérvia, São Marino, Dinamarca, Rússia, Moldávia, Países Baixos, Austrália, Geórgia, Polónia, Malta, Hungria, Letónia, Suécia, Montenegro, Eslovénia e Ucrânia. Nenhum país pode votar em si próprio. Em cada semifinal, os 10 países com melhor pontuação estarão presentes na grande final.

O Festival será emitido na RTP1, tendo com apresentadoras Catarina Furtado, Daniela Ruah, Sílvia Alberto e Filomena Cautela.
O slogan para o festival, All Aboard! (Todos a Bordo!), foi revelado a 7 de novembro de 2017. Na final do dia 12 estão prometidas as atuações dos Beatbombers e de Salvador Sobral em dueto com Caetano Veloso, artista brasileiro que tanto elogiou o jovem português aquando da sua vitória na Eurovisão.

caetano-veloso-e-salvador-sobral-atuam-juntos-na-final-da-eurovisao

Entretanto, o Festival da Eurovisão da Canção reconquistou as famílias portuguesas, de acordo com o estudo do IPAM sobre o impacto global deste grande evento de entretenimento junto da população portuguesa, realizado entre abril e maio de 2018, com a maioria dos portugueses a confirmar a sua intenção de assistir ao Festival (68%), registando-se um potencial aumento de cerca de 20% relativamente aos 48,6% que habitualmente não perde esta iniciativa.

Para 66% dos inquiridos o facto do Festival se realizar, pela primeira vez, em Portugal é motivo para considerarem assistir à edição deste ano mas a maioria dos portugueses (69%) indica a vitória de Portugal em 2017 como a grande motivação para assistir à edição de 2018. Relativamente à importância da realização do primeiro Festival da Eurovisão da Canção em Portugal, 82,1% da população inquirida indica ser positivo e muito importante a realização do Festival em Portugal, embora uma maioria de 78,4% revele estar cética quanto à possibilidade de Portugal poder vencer a competição.